José Genoíno, o mártir que a direita constrói e a esquerda não quer.

Jose Genoino presoOs falaciosos se apressam em afirmar: o PT quer transformar Genoíno em mártir. Precisam de um corpo para levantar bandeira do coitadinho, do injustiçado, do perseguido e com isso ganhar simpatia junto ao povo brasileiro. As eleições estão logo aí, certo?.

Errado! Só os conservadores nacionais com suas mentes decrépitas se atreveriam a imaginar que a esquerda necessita fabricar mártir. Ingenuidade dos puritanos de plantão.

Temendo o surgimento de tal figura,  jornalistas, mídia e STF tomam atitudes reles. Expondo o político à execração pública e ao linchamento.  Só não percebem que com este temor estão assinando uma confissão de culpa, de manipulação, de perversidade, de inescrupulosidade, de hipocrisia e de mau-caratismo. Pois, o mártir só existe porque foi martirizado.

E quem, no caso de José Genoíno, o martirizou? Respondo: STF, na figura de Joaquim Barbosa, a mídia e seus jornalistas paus-mandados. Que na hora da onça-beber-água irão se esconder.

Tiradentes, o mártir da independência, sofreu muito e pagou-o-pato para que outros se safassem. Getúlio Vargas sacrificou a própria vida para que os golpistas de 54 não tomassem o poder. Jango sacrificou a reputação para evitar um derramamento de sangue (não evitou, mas atenuou) e a invasão descarada dos americanos para impor o governo dos golpistas.

Estes personagens foram vítimas de injustiças e de interesses de uma classe desejosa do poder. Agora se sabe. Mas não se estuda de maneira adequada.

Se estes retrógrados querem fazer da esquerda seu espelho estão redondamente enganados. A truculência no Brasil sempre partiu da direita. Física ou mental.

Por conseguinte quem cria os mártires são os opressores.

A PT não necessita usar desse mecanismo.

A ideia da direita era acabar com as lideranças do partido. Crendo levianamente que assim ganhariam as eleições já que por méritos não chegariam lá.  O PT deixaria de existir eclipsado por calúnias.

Não deu certo. Mesmo como o mensalão o partido cresceu nas recentes eleições municipais. Venceu para prefeito de São Paulo, ilha do PSDB.

E também porque novas lideranças surgiram. Dilma, Haddad são exemplos. E outras mais virão.

Há um sujeito dentro do PT que enxerga muito longe. Tem a visão de política que FHC almeja. E nunca irá conseguir. Isto não se aprende na escola. Isto se estuda na escola. Teses de doutorados, mestrado e pós-graduação falarão sobre ele.

A mídia pautou o STF. A serenidade, primordial em qualquer julgamento, passou longe de Joaquim Barbosa. Deslumbrado reflete a sede de vingança dos setores reacionários. Exposição em praça pública. Esquartejamento. E estupro nas leis.

Não tem problema Joaquim, a mídia ameniza a sua situação, é só fazer o que desejam. O resto deixa com eles.

Enquanto o Jornal Nacional não disser que José Genoíno foi injustiçado ninguém acreditará. Enquanto a Folha, o Estadão não publicarem uma “errata” ou a Veja for obrigada a se retratar sobre o processo 470 tudo estará bem.

E desse modo a direita vai construindo o mártir José Genoíno. Sem a esquerda interceder. E sem o próprio saber ou desejar.

Afinal, todos os ingredientes “martíricos” estão presentes: injustiça, parcialidade, vingança, exposição, violência, quebra de regras e julgamento de exceção.

Ou a democracia atinge todas as áreas ou nunca seremos uma democracia plena, concordam?

Anúncios

Qual a sua opinião?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s