A ardil de espionagem, quem vai pagar o pato é José Dirceu.

jose dirceuA promotora Márcia Milhomens Sirotheau Corrêa agiu de má fé e tentou espionar o planalto. Depois soube-se que fez o mesmo com o congresso e com o próprio STF.

O que se veicula agora é se foi com anuência do presidente do supremo Joaquim Barbosa ou não?

Para Luis Nassif a conclusão é que sim.

O jornalista acha que “No episódio da tentativa de espionagem sobre o Palácio do Planalto, Barbosa agiu com mão de gato ou foi fundamentalmente displicente? O simples fato de existir essa dúvida mostra a desmoralização a que o STF está submetido com os atos de seu presidente, ao não se pronunciar sobre a tentativa do Ministério Público do Distrito Federal de espionar o Palácio do Planalto”.

E cita pontos que justificam sua suposição:

1.A promotora Márcia Milhomens Sirotheau Corrêa, da Vara de Execuções de Brasília, pede a quebra do sigilo telefônico de uma área que engloba o Palácio do Planalto.

2.No seu último ato no cargo, o juiz Bruno Ribeiro, que assumiu a função na Vara de Execuções após a carga de Barbosa contra seu antecessor, recebe o pedido e envia para Barbosa sem nenhuma consideração a mais. É de conhecimento geral as afinidades criadas entre Barbosa e Ribeiro. Além da pressão contra seu antecessor, Barbosa acionou o CNJ (Conselho Nacional de Justiça) em defesa de Ribeiro.

3.Era de conhecimento de Barbosa que, no mesmo dia em que enviou o processo, Ribeiro declarou-se impedido de continuar atuando na Vara de Execuções.

4.O presidente do STF recebeu o pedido, não conferiu as coordenadas e enviou para a PGR. Se o PGR também não conferisse as coordenadas, Barbosa teria o álibi para quebrar o sigilo do Planalto.

E sobre os itens afirma: “as suposições acima são perfeitamente críveis, para um cargo em que não se admite sequer a dúvida sobre a conduta do titular. Ainda mais com todo o histórico de protelações de Barbosa sobre o episódio Dirceu. É evidente que Barbosa sabia que o pedido de escuta referia-se a áreas sensíveis, ao Palácio do Planalto ou a outro poder, caso contrário o próprio juiz da Vara de Execuções poderia ter autorizado a quebra de sigilo”.

Mas assim que Joaquim viu seu nobre nome envolvido nessa trama declarou se sentir indignado por estar sendo acusado de “participação em um ato criminoso, qual seja a quebra ilegal de sigilo telefônico”.

Bem pelo menos ele já declarou que a tentativa de espionagem é um “ato criminoso”, então a promotora com certeza será punida, de alguma forma, por ter cometido um crime. Isso é tão certo “como dois e dois são cinco”.

Sabemos que quando o ato ilícito é cometido por quem realmente é poderoso a coisa tende a se prolongar por anos e anos então vejo um futuro nada promissor para o condenado, sem provas, José Dirceu.

Pois, se depender do ministro do supremo só depois de investigado, a fundo, esse gravíssimo delito é que ele poderá examinar o caso do regime semi-aberto de Dirceu. Portanto…

Me vem à mente aquela velha imagem das folhinhas caindo do calendário. E passa dias e anos e nada acontece.

Realmente não sei o que José Dirceu fez para Joaquim Barbosa, mas isso já é um caso pessoal. Será que Dirceu foi contra a indicação dele para o cargo no STF?

O ministro demonstra se uma pessoal passional e vingativa. Perfil inadequado para o cargo dessa importância. Isso é constatado pelo seu comportamento desrespeitoso com seus pares, com jornalistas e com colegas.

E lá se vão seis meses de encarceramento completo. Sem justificativa técnica. Até quando essa afronta vai continuar?

Para os conservadores e reacionários pode durar para sempre, que está de bom tamanho. Mas essas pessoas também não podem ser juízes, certo? Se não vira barbárie ou ditadura.

Anúncios

Qual a sua opinião?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s