Não tenho provas, mas tenho convicção: já estamos vivendo num estado de exceção.

lava-jatoVenhamos e convenhamos, a apresentação dos procuradores do MPF, feita ontem, foi bem chinfrim. Tanto pelo modo da apresentação, quanto pelo conteúdo.

Elaborada em Power Point. Mostraram bolinhas, quadradinhos, setas, caminhão e homenzinhos. Erros de grafia, “govenabilidade”. Mal conduzida, o responsável pela troca do slides se perdia, avançava e recuava à revelia. A caneta laser falhando. As cores mal escolhidas. De um primarismo de dar dó.

O objetivo da apresentação “mamãe, terminei!” era mostrar porque Lula foi indiciado.

No início: somos apartidário, apolítico, não estamos julgando o Lula pelo fato de ser presidente. Nós nos atemos apenas a tecnicidade.

Aí começou as porradas em cima do Lula e do PT.

Ou por maldade, ou por ignorância mesmo desfilou a falta do conhecimento de “como roda a roda” do sistema político atual. A necessidade de conchavos, os acertos, as trocas de apoio, a distribuição de cargos.

E como tudo era mais do mesmo, voltaram outra vez ao Triplex do Gurarujá.

Não tinham documentos para provar que era do Lula, mas, segundo o procurador, era por isso que era do Lula. Ele, como “general do petrolão”, ocultava a propriedade.

Tinham tão pouco a falar que mostraram uma rasura. Este é um número do apartamento, achamos estranho e um perito comprovou que antes era 131 e agora é 174.(???)

Mostraram uma foto do Lula visitando o apartamento. Ta vendo! Como é do Lula.

O procurador, com nome de xarope, criou uma nova palavra, propinocracia. Sempre que se referia a gangue que tomou conta do poder, através do voto, dizia: propinocracia.

E, usando da máxima que “de tanto repetir, a mentira se torna verdade” repetiu, repetiu, repetiu.

Em certo momento tive a nítida impressão de que estava vendo os “melhores momentos da apresentação”.

Perguntado por uma jornalista sobre provas, o procurador, com nome de xarope, disse: se tirarmos o Lula do cume da pirâmide criminosa notamos que nada funciona. Então ele é o chefão. Ahhh! Entendi?

Fica evidente que essa turma de amadores elaborou a apresentação a toque-de-caixa. Alguém pressionou.

Quem? Janot, STF, Temer? Aécio? FHC? O dono do ITAÙ?

Por que? Que fato novo aconteceu que ainda não sabemos?

Será que alguém dedou o Temer, com provas, e ficou insustentável a permanencia dele no poder?

Eleições com o Lula solto nem pensar, como disse o democrata Renan Calheiros.

Ou mandaram acabar com a palhaçada da lava-jato já e os caras se apressam em indiciar o Lula?

Ou eles já sabem que a maioria dos prefeitos eleitos será do PT e por isso voltam a queimar o Lula e o partido?

São tantas perguntas…

Para encerrar. A pérola foi quando outro procurador afirmou: não tenho provas, mas tenho convicção.

Então, aproveitemos a sapiência desse sujeito e vamos usar esta máxima também.

Não tenho provas, mas tenho convicção: esse procuradores são antiLula, antiPT e antipovo.

Não tenho provas, mas tenho convicção: o único objetivo da lava-jato é acabar com Lula e com o PT.

Não tenho provas, mas tenho convicção: os procuradores e delegados da PF protegem descaradamente o Aécio Neves, o mais chato.

Não tenho provas, mas tenho convicção: esses cara são golpistas.

Não tenho provas, mas tenho convicção: o Sérgio Moro persegue o Lula.

Não tenho provas, mas tenho convicção: mais de 60 % do congresso é composto por criminosos.

Não tenho provas, mas tenho convicção: pelo menos 3 ministros do STF participaram do golpe.

Não tenho provas, mas tenho convicção: a Globo é golpista.

Não tenho provas, mas tenho convicção: A Dilma sofreu golpe de estado.

Não tenho provas, mas tenho convicção: FHC é um golpista nojento.

Não tenho provas, mas tenho convicção: Michel Temer é um traidor.

Não tenho provas, mas tenho convicção: o PSDB é um partido fascista.

Não tenho provas, mas tenho convicção: Alckmin é um corrupto.

Não tenho provas, mas tenho convicção: José Serra é um entreguista miserável.

Não tenho provas, mas tenho convicção: já estamos vivendo num estado de exceção.

Não tenho provas, mas tenho convicção: se não revertermos o golpe, nunca mais um partido progressista assume o planalto.

É isso aí.

Anúncios

Qual a sua opinião?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s