“O Globo é o que é mais pelo que não deu, pelo que deu”, Roberto Marinho.

A Globo foi delatada, nos EUA, por pagar propina pelo direito exclusivo de transmitir a copa do mundo de futebol e os jogos da seleção brasileira.

Segundo empresário argentino Alejandro Burzaco o grupo e outros pagaram 15 milhões de dólares para ter exclusividade nesses eventos.

A emissora negou veementemente qualquer envolvimento. Afirmou que fez uma  investigação interna e nada de ilícito foi encontrado e deu o caso por encerrado.

Bem, em se tratando de um país em que os golpistas de 64 se autoanistiaram e o STF concordou com essa aberração jurídica nada mais deve causar espanto, não é verdade? Nem a cara de pau desta organização.

A sorte é que a investigação está a cargo dos americanos e os Marinhos não tem como influenciar, comprar ou chantagear as autoridades de lá. Ou tem? Não podemos esquecer que a emissora trabalha com eles e para eles. Seja amaciando mentes, entregando nossas riquezas, destruindo a indústria nacional ou fazendo vistas grossas aos desmandos “yankees”. No entanto deve ser um poder menor, mesmo com a CIA por trás. Temos que acreditar na justiça… estadunidenses, é claro.

Uma coisa parece óbvia, se dependêssemos exclusivamente das autoridades brasileiras a investigação já nasceria morta. “Não vem ao caso”, como disse certo juiz. E seria arquivado, aliás,  nem viria à tona a delação.

Se fosse nos tempos pré-internet, com certeza a população não tomaria ciência de tais acontecimentos. E o JN não seria obrigado ler aquela nota boba se inocentando da propinagem.

Até o momento o PGR,  a PF e os procuradores não se pronunciaram sobre essa delação. O medo deles é muito.

A república foi sequestrada pelos donos da Globo há muito tempo. Ninguém tem coragem de enfrentá-las.  Já dizia Tancredo Neves: “prefiro brigar com o ministro do exército do que com o Roberto Marinho”. Passamos por inúmeros governos e nenhum deles teve coragem de enfrentar o quarto poder. Ou seria o primeiro?

Isso que é uma usina de poder, como dizia o Roberto Marinho.

A emissora não faz só por si, protege também quem se ajoelha perante a sua divindade.

O advogado Tacla Duran, por exemplo,  está denunciando a indústria da delação premiada criada pela força tarefa da Lava Jato. Delação nos moldes da lei,  livre e espontânea. É cidadão espanhol. Moro na Espanha e lá não é acusado de nada. Poderia viver tranquilamente, sem aborrecimentos e não foi obrigado a nada. Diferente dos nossos bandidos.

No entanto, o que seria manchete, foi simplesmente ignorado pela Globo. E por que ignorada? Porque atinge seus meninos de ouro do momento, Sérgio Moro e procuradores. O mito não pode ser destruído. O “imparcial de Curitiba” ainda tem sua utilidade, bem menor, mas tem. E o povo que só assiste a Globo mais uma vez é feita de palhaço. “O Globo é o que é mais pelo que não deu, pelo que deu”, Roberto Marinho.

Graças à internet, aos jornalistas destemidos e blogueiros temos acesso maior às informações e contrapontos à imprensa hegemônica.

Notícia boa e salutar. Tendo como protagonista o senador Lindberg Farias (PT), foi aprovado requerimento de realização de audiência pública para tratar deste caso. A Globo, teoricamente, terá que se pronunciar sobre a delação do empresário argentino. Esperar para ver.

Será que um dia a mídia será democratizada, a Globo cassada e os Marinhos impedidos de viajar ao exterior, igualzinho ao RicardoTeixeira e ao Marco Polo Del Nero, ex-presidente e presidente da CBF?

Que a fortuna nos abençoe.

Anúncios

Descalabros da semana de 23/04/2017

Governo Golpista – “Temer diz que só “eleições livres” poderão resolver crise na Venzuela”. Folha, Uol.

A que ponto chegamos! É muita cara-de-pau!

O Michel Temer é um traidor, canalha, golpista, usurpador. Não possuiu brilho próprio, ideias, moral e lhe falta visão. E quer dar conselho.

Gregório de Matos!! por favor, me empreste seus versos.

“A cada canto um grande conselheiro,
que nos quer governar cabana, e vinha,
não sabem governar sua cozinha,
e podem governar o mundo inteiro.”

 

Prefeito de São Paulo – O “Prefake” de São Paulo João Dória teve a desfaçatez de gravar a demissão da secretária de Desenvolvimento e Assistência Social Soninha Francine (PPS) e colocar nas redes. Facebook.

Que sujeito à toa!

O Dória esqueceu que não é mais apresentador do reality “Aprendiz”.

Ê Soninha! que triste fim de carreira. Uma pessoa madura se sujeitar a esse constrangimento, que falta de vergonha na cara.

 

Câmara dos deputados federais – Usando do mesmo estratagema do mestre Eduardo Cunha o presidente da câmara Rodrigo Maia aprova a urgência da reforma trabalhista. No dia anterior havia sido rejeitado.

Bem, só espero que o “Botafogo” – assim ele é conhecido na Odebrecht- tenha o mesmo fim do seu guru Cunha. E vá bater um longo papo com ele na cadeia.

 

Governo Golpista – O traidor, canalha e golpista MT foi capa nos maiores jornais dos EUA por ter recebido propina de 40 milhões de dólares, mas não foi no Brasil.

A mídia brasileira, tão bem alcunhada de PIG (Partido da Imprensa Golpista), está envolvida com o golpe de estado no Brasil até o pescoço. Contribuiu espalhando o ódio. Manipulando, mentindo e criando factoides. E agora blinda a canalha. Aliás, A Globo foi citada por Emílio Odebrecht como beneficiára do golpe. A empreiteira, entre outras, e a emissora se asscociaram afim de derrubar o veto a priivatização da TeleBrás e PetroBrás, nos bons tempos do FHC. Conseguiram em parte. Lula evitou o saque completo.

Lava Jato – O deputado Paulo Pimenta (PT) denuncia o vazamento na imprensa de um depoimento secreto e sigiloso antes mesmo de ele ter acontecido, O jornal Valor Econômico e o site Antagonista publicaram que Leo Pinheiro da OAS “afirmará que a propriedade do apartamento 164 – A do edifício Solaris é mesmo de Lula”; o ex-executivo da empreiteira tinha depimento marcado para tarde com Sérgio “Banestado” Moro. “isso é criminoso e revelador, de que é um depoimento pré-combinado. Uma Farsa”

Vou contar uma fato que aconteceu com Hugo Chaves, então presidente da Venezuela. Lá como aqui, os “reaças” estavam ensandecidos para dar um golpe. Havia manifestações contra Hugo. Durante uma passeata atiradores mataram 6 pessoas. Foi o suficiente para que os golpistas destituíssem Chaves e o prendessem. Apareceu um militar na televisão o relatou o que tinha acorrido. E que assumiria o governo.

Só que um cinegrafista filmou os assassinos atirando. A verdade veio à tona. A gravação da chacina reveleva: os golpistas venezuelanos narraram o fato antes dele ter acontecido. Foi tudo uma armação. Igual ao depoimento de Leo Pinheiro.

E mais uma do mesmo Leo: durante a delação reafirmou o que já tinha sido publicado, Lula era o dono do apto. Peguntado sobre as provas disse que as tinha destruídas. A pedido do Lula, é óbvio!

Que azar gente! Deve ser coisa do demo!!O único que iria apresentar provas não as têm mais.

Bem, fica assim: por falta de provas, fica provado que Lula é dono do triplex. Ou alguém vai duvidar do Léo?

Manifestações- O catador de latas, Rafael Braga Vieira, preso em junho de 2013 por suposta prática de porte de aparato incendiário ou explosivo quando levava apenas duas garrafas plásticas de produtos de limpeza, foi condenado à pena de 11 anos e 3 meses de reclusão, além de pagamento de R$ 1.687,00. Negro, pobre, favelado Rafael Braga é o único preso no contexto das jornadas de junho de 2013. A sentença foi publicada no portal TJRJ. Fonte Brasil247.

Outra . “Entrou em uma situação como vítima e saiu como ré do Estado”, diz a advogada Isabela Corby ao explicar a situação de Maria Mariana Batista Cangussu, jovem presa em 2015 durante o ato do Grito dos Excluídos, celebrado todo mês de setembro, na cidade de Diamantina.

um policial militar a abordou para perguntar se ela era a líder do movimento e pediu para que ela se identificasse. Maria e outros manifestantes tentaram explicar que o protesto não possuía uma só pessoa no comando. As imagens mostram a jovem sendo puxada pelo cabelo e arrastada até o camburão, onde foi colocada com a roupa rasgada, com seios à mostra, e levada até a delegacia, sob alegação de desobediência civil.”

Foi oferecido à militante um acordo para encerramento do caso, mas apenas se ela assumisse a culpa e fosse penalizada com uma multa equivalente a um salário mínimo e quatro meses de prestação de serviços comunitários. A condição não foi aceita.

“Não foi por entender que Maria não cometeu delito algum. Pelo contrário, os acusados deveriam ser os policiais. Não apresentar identidade em uma manifestação não é motivo para prisão e agressão”, explica a defensora.” Fonte Brasil de Fato

Os golpistas colocaram esse país de cabeça-pra-baixo. Acusado tem que provar inocência. Agredida tem que assumir a culpa. Rabo abana o cachorro.

Não basta derrotar o golpe. Tem que prender os golpistas.

 

A armação da Globo ao ser expulsa do velório de D. Marisa.

globo-expulsa-do-velorioNo velório de D Marisa, esposa do Lula, a equipe de reportagem da Globo, aos gritos de assassinos, golpistas, vagabundos, foi escorraçada do local.

Isto foi muito bom! Um emissora que não tem escrúpulos não pode trabalhar.

A Globo participou do golpe. Fomentou o golpe. Fez lavagem cerebral nos desavisados. Manipulou, Mentiu. Assassinou. Comprou juízes, procuradores e delegados. Se juntou aos americanos no golpe. Destruiu a imagem de políticos e de suas famílias. José Dirceu, Genoíno, Mantega e Vacari que o digam.

Há anos o Grupo Globo tenta descontruir o Lula, o maior líder político já surgido no Brasil. Considerado peça chave na concretização do golpe batem sem dó nem piedade, como nos velhos tempos da ditadura.

Torturam o pai, os filhos, a esposa e tantos quantos se tornem obstáculos aos seus interesses escusos.

Até que a matriarca não resistindo mais ao linchamento midiático morreu. Causa da morte: indignação e tristeza.

A Globo, na sua torpeza, não sabia como dar a informação do falecimento sem, digamos, humanizar o Lula.

Então armaram essa presepada.

A Globo mandou a equipe de reportagem ao funeral. De antemão sabendo que eles não conseguiriam fazer a matéria.

Ou alguém duvidava que eles seriam expulsos?

Bem, se existe alguma alma que ficou surpresa com esse fato com certeza não foi a cúlpula da emissora.

Então, Bingo!

Eles dariam a notícia rapidamente, como fizeram, e ainda por cima explicariam que foram impedidos de trabalhar pelos lulopetistas e pelos jagunços lá presentes. E o Bonner, com aquela cara de Bonner, daria um boa noite.

Simples, não é mesmo?

Puseram a vida de seus funcionários em perigo? Claro que sim!

Eu pergunto: e dái? Os funcionários da Globo para os Marinhos são meros números.

O experiente Caco Barcelos não passou por situação semelhante nas manifestações dos servidores do Rio de Janeiro? Foi salvo pelos guardas municipais e por agluns manifestantes.

Esta é a importância que os patífes dão aos seus empregados.

E se quisessem realmente fazer a reportagem eles utilizariam o helicóptero, mas aí… não teriam como esconder as milhares de pessoas que compareceram ao velório, não é mesmo? Isso jamais permitiriam!

Canalhas, sempre canalhas!

Ou a gente acaba com a Globo ou a Globo acaba com o Brasil!

Agora que a Globo encheu o rabo de dinheiro com as Olimpíadas voltará a praticar o esporte que mais gosta e incentiva: o de caluniar Lula, Dilma e o PT.

olimpiada 2016Agora que a Globo encheu o rabo de dinheiro com as Olimpíadas voltará a praticar o esporte que mais gosta e incentiva: o de caluniar o ex-presidente Lula, a presidenta afastada e o PT.

Por outro lado, a imprensa golpista pode novamente manipular e enganar o povo que construiu um sucesso.

Pode derrubar a autoestima do brasileiro.

Pode mostrar e ampliar o que não deu certo.

A câmera despencando. O banheiro entupido. O asfalto que derrubou a ciclista.

A indelicadeza das vaias contra os golpistas.

Pode detonar a lagoa Rodrigo de Freitas.

As águas da baia de Guanabara que iriam derreter cascos dos barcos.

Falar dos investimentos que dariam para construir tantas escolas, creches, casas e etc.

Pode dar voz a um mentiroso, o nadador bêbado americano.

Pode endeusar Tóquio. Elogiar o japonês. Povo educado, disciplinado, limpinho, cheirosinho. Diferente de brasileiro. O eterno jeca-tatu.

Pode colocar colunista a falar mal do encerramento. Estava uma confusão, por isso ao Globo se perdeu, não é mesmo Nelson Mota?

Pode esconder as vaias, os inúmeros “Fora Temer”. O papel ridículo do Serra, mais um, diga-se de passagem.

Pode encobrir a sacanagem diplomática com o primeiro ministro japonês.

E não é que o japa se ofendeu! Onde está a porra do presidente pra me passar a porra da tocha? Está escondido senhor. Ele não pode aparecer em público. Tem medo de vaias. Bundão!

Pode falar da zika. Há uma suspeita.

A mídia pode fazer ouvidos de mercador e não falar dos medalhistas que chegaram onde chegaram graças ao apoio de programas de incentivo ao atleta como Bolsa-Atleta, Segundo Tempo. Programas criados por Lula.

Agora Globo, pode voltar a tripudiar em cima da população.

Desmerecer cada conquista do povo.

A Globo pode tudo. Até mesmo dar um golpe de estado!

Mas essa história um dia terá fim. Podem apostar!

“Você pode enganar algumas pessoas o tempo todo ou todas as pessoas durante algum tempo, mas você não pode enganar todas as pessoas o tempo todo”. Abraham Lincoln.

A Globo criou um segundo país, o braZil com “Z”.

meme-perua

Charge do site “bemblogado.com .br

A Globo criou um segundo país.

Agora trabalha na invenção de um povo que caiba nele. 

Qual é este país?  É “aquele”, o “faz de conta”. O braZil com “Z”.

Confuso? Não.

braZil com “Z” é aquele que a Globo mostra.

Aquele que que a imprensa hegemônica dá notícias.

Aquele que os ancoras elogiam a equipe econômica do Meirelles.

Aquele pais que dá sinais de melhoras.

Aquele país em que um pulha é tratado como estadista.

Aquele país cheiroso e limpinho.

Aquele país em que não existe divisão de classe.

Aquele país que a meritocracia é sua marca registrada.

Aquele país em que as oportunidades são iguais.

Aquele país em que não há injustiça.

Aquele país em que a classe média tem sorriso idiota plantado no rosto.

Aquele país do faz de conta.

Faz de conta que não foi golpe.

Faz de conta que a população aceitou pacificamente o golpe.

Faz de conta que não há manifestação.

Faz de conta que a Dilma está muda.

Faz de conta que a Dilma se conformou com o golpe.

Faz de conta que a esquerda não existe.

Faz de conta que o Lula é ladrão.

Faz de conta que o partido mais corrupto é o PT.

Faz de conta que Sérgio Moro, o juiz, é imparcial.

Faz de conta que o Temer não é um canalha.

Faz de conta que FHC é intelectual respeitado.

Faz de conta que Aécio é honesto.

Faz de conta que o mundo não sabe que Dilma foi derrubado por um bando de corrupto.

Faz de conta que a classe média não é velhaca.

Este é o braZil com “Z”. O país que há um único deus, a Rede Globo de Televisão.

Se o golpe é um fato, a resistência é um dever.

diga não ao golpeSe o golpe é um fato, a resistência é um dever.

2014, eleita Dilma Rousseff. Apesar de todos os esforços dos conservadores e da Globo o projeto de poder fez água.

Aécio, o chato, não se conformou. Derrotado, não aceitou. E desde primeiro minuto trabalhou contra a democracia. Pela derrubada da Dilma. Esta atitude mesquinha já era esperada. A dignidade, honradez e coragem passa longe desse sujeito.

A Globo no mesmo dia do resultado iniciou sua campanha de ódio absoluto.

Dividiu o Brasil em dois. Pintou o Brasil de duas cores. Sul/Sudeste/Centro-Oeste de azul, os que votaram no Aécio, o chato. De vermelho, Norte/Nordeste, os que votaram na Dilma.

Aproveitando do preconceito histórico de que o nordestino é burro, preguiçoso, vendido e alienado novamente dividiu os cidadãos: azul os que sabem votar, vermelho os que não sabem.

Aí foi só deixar os preconceituosos, fascistas e conservadores se manifestarem.

O diretor mor da Globo Ali Kamel lançou o livro-piada “No Brasil não há racismo”.

Rapidamente os midiotas concluíram: quem inventou o racismo no país foi o Lulopetismo.

Lula estabeleceu cotas raciais nas universidades.

Os pretos alcançaram lugares antes só ocupados por branco.

A classe média, tão acertadamente chamada de velhaca por Mino Carta, babou de raiva. Explodiram situações constrangedores de preconceito.

A Globo começou a boicotar os projetos sociais.

O Bolsa Família foi o primeiro. Pois, os irmãos marinhos achavam que o PT só era eleito porque comprava voto através BF.

Colocou todos seus telejornais e articulista a trabalharem na desconstrução do programa. Foi um festival de atrocidades.

Os coxinhas rapidamente compraram as estupidezes: bolsa esmola, bolsa vagabundo.

Resumidamente: Lula e Dilma deram visibilidade a grande parte da população. Tiraram da extrema miséria 40 milhões de pessoas.

Os reacionários alopraram. Os fascistas desabrocharam.

O combate a corrupção foi incentivado. Lava Jato só existe porque o governo da presidenta deu ampla autonomia.

A Globo calhordamente comprou juízes, procuradores e delegados. Deu prêmios.

Os vazamentos seletivos inverteram a ordem. Os corruptos eram todos do PT e apenas eles. José Dirceu virou chefe dos bandidos. Lula o chefão; Dilma ladra.

Outra vez a classe média comprou a sandice: nunca se robou tanto neste país. O lulopetismo inventou a corrupção.

A globo dividiu a população entre pessoas de “bem” e, obviamente, pessoas do “mal”.

E deu cores. Amarelo os inteligentes e de bem. Os de vermelho os burros e facínoras.

O golpe está quase a ser concluído.

A imprensa hegemônica trabalha agora para apaziguar a nação. Não as agressões gratuitas contra quem usa vermelho. Contra quem não pensa em verde-amarelo. Somos um povo de paz e etc.

Não Globo, não será como você quer. Passaram anos disseminando o ódio agora querem que as pessoas voltem a adormecer. Não será assim dessa vez.

Resistiremos. De todas as formas e com as armas que dispusermos.

Não noticiam as manifestações contra o golpe, mas elas existem e vão aumentar.

O Povo colocou, só o povo tira.

Se o golpe é fato, a resistência é um dever.

Não ao Golpe. Não aos quadrilheiros que querem se apoderar do país.

Ou a Globo ou a Democracia. Os dois juntos não pode ser.

dueloO grupo Globo declarou guerra à democracia. A máscara do bom mocismo, da imparcialidade esfacelou-se. Escancarando as suas verdadeiras intenções odiosas e anti-democráticas. Não há regras ou convenções. Agora é tudo ou nada.

Os donos e seus cães raivosos sabem: ou fica a Globo ou a Democracia. Os dois convivendo sob o mesmo teto é impossível.

Suas tropas de jornalistas, colunistas, apresentadores, repórteres e artistas fizeram e fazem o trabalho vil de solapadores do governo Dilma. Mentem, manipulam, editam, esconde. Não são todos, mas são muitos. E como fazem com prazer o trabalho ignóbil.

A democracia é incompatível com o Grupo Globo e o Grupo Globo é incompatível com a democracia.

A Globo é o filhote natural da ditadura, a Democracia é o verdugo da ditadura.

A Globo está apostando suas últimas fichas no impeachment.

Se vencer a queda de braço contra a Democracia, a odiosa ditará os rumos do país. Futuros presidentes, governadores, prefeitos, parlamentares e juízes terão que comer na mão escrota dos Marinhos. Atendendo seus caprichos nos mínimos detalhes. Por mais insignificantes que sejam.

O retrocesso será imensurável. Direitos e avanços sociais, econômicos e culturais, democráticos na essência, terão que passar pelo crivo do Kamel.

A Globo pode não querer, não desejar ou não gostar de tal coisa.

Ah, meu Deus! Anos e anos de lutas por democracia e justiça desperdiçados. Jogados na lata do lixo por fascistas.

Escolher candidato, comparecer ao local da votação, apresentar documento, assinar, votar perderá o sentido.  Pra que afinal tudo isso se no frigir dos ovos quem vai escolher os governantes será a Globo?

Mas se a Dilma vencer, outra vez, a Democracia sairá fortalecida e aí chegou a hora da onça beber água.

Não há necessidade de grandes alardes, ou projetos mirabolantes, mas se houver, tem que ser feito.

Mas, pra começar basta jogar a constituição na cara da Globo. Desmembrá-la. Ou é TV, ou é rádio ou é jornal, os três meios com um único dono não podem. Regionalizá-la. Âmbito nacional é o cacete. Democratizar os meios de comunicação.

E mais, parlamentar tem jornal, rádio, televisão, revista? Não pode. Cassa a concessão ou processa o sujeito. E deixa o congressista espernear, faz bem pra saúde.

Só assim, tirando o poder bastardo da Globo é que a Democracia triunfará.

Só assim as futuras autoridades terão paz para governar.

Só assim viveremos sem a sombra do golpe pairando constantemente sobre nossas cabeças.

Só assim o brasileiro terá direito à informação e ao conhecimento sem a costumeira hipocrisia Global.

Presidenta, não há alternativa ou a Globo ou a Democracia.