Com a reforma do ensino médio, Temer vai oficializando o estado segregacionista.

segregacao-pelo-estudoE Temer continua sua batalha em restituir no Brasil o velho regime do apartheid. Velho entre aspas, porque o golpista está aí para deixá-lo novinho, novinho. Com cara de “moderno”.

Ouvindo os anseios da classe média velhaca, ignorante e preconceituosa o golpista e asseclas trabalham diuturnamente para que o “lixo humano” jogado por Lula e Dilma no território dessa gente volte para o lugar de onde nunca deveriam ter saido, ou seja, que retornem à senzala.

Os medianos não se conformam em dividir espaços com pessoas que ascenderam na sociedade graças aos incentivos educacionais, sociais e econômicos, proporcionados pelo governo federal. Detestam Lula por causa disso.

Na cabecinha xinfrim dessa turma é um horror encontrar a babá, o porteiro, o motorista e outros nos aeroportos, nos restaurantes, nas escolas, nos museus e em áreas de lazer que antes consideravam locais exclusivos deles. Querem a “gentalha” fora dos seus lugares e de suas vidas.

A MP 746, que trata da reforma do ensino médio, é mais um tijolinho da ponte para o passado.

A medida retira a obrigatoriedade do ensino de sociologia, filosofia, artes e educação física das escolas, deixando a cargo dos governos estaduais sua formatação.

O traidor no fundo divide o ensino em dois grupos bem disitintos:

Primeiro grupo – os que irão satisfazer as necessidades dos mercados. Os futuros trabalhadores. Os pobres. O Brasil precisa de técnicos. E estes não precisaram refletir sobre a sociedade ou ter a sensibilidade aguçada diante do mundo e das injustiças. Lema do usurpador: Não pensem, trabalhem! E tomem Faustão, Luciano Hulk e Fátima Bernardes!

Segundo grupo – os que, pagando, terão acesso a estas matérias. Estes aprenderão a pensar e refletir. Terão, portanto, acesso às melhores faculdades. Aos melhores salários. Serão seres pensantes. Criarão o hábito da leitura. Debaterão, de forma diletante, sobre Kant, Adam Smith, Sócrates e Platão. Ouviram Mozart, Bach e Hendel. A Sala São Paulo será ambiente exclusivo dessa nova casta.

Pelo estudo criaremos a sociedade segregadora. As diferenças irão se acentuar. Nada melhor do que oficializar injustiça.

Esta é apenas uma das medidas dos golpitas, outras virão e atingirão todas as áreas.

É o começo do desmonte do estado social.

Por isso, devemos ir às ruas e gritar: Fora Temer! Não ao Golpe! Volta Dilma! Sem esmorecer ou desanimar.

Vamos à luta!

Aos poucos as turvas águas do golpismo vão se clareando.

golpistasAos poucos as turvas águas do golpismo vão se clareando. E os golpista vão aparecendo nas suas formas e funções.

O moleque Aécio Neves sabotou o governo Dilma desde o primeiro dia após sua derrota. Um carrapato, juntou o que há de pior no congresso, e solapou qualquer tentativa do governo de se estabilizar e governar. Canalha! Canalha! Canalha!

O mafioso Eduardo Cunha chantageou Dilma. Se os deputados do PT não votassem a favor do arquivamento do processo que pedia sua cassação aceitaria pedido de impeachment. Corrupto! Corrupto! Corrupto!

O decrépito Fernando Henrique Cardoso escudado na sua falsa aúrea de intelectual incentivou obscuros personagens a apoiarem o golpe de estado. Com seus inflados artigos mordia e assoprava.

PSDB. O que um dia foi uma tentativa de social democracia transformou num partido fascista. Suas principais lideranças afirmaram: vamos fazer Dilma Sangrar! Sem compromisso com o Brasil ou com o povo brasileiro.

PMDB. Partido fisiologista. Se tem governo, sou a favor. Assumiu a presidencia por tabela três vezes com Sarney, Itamar e agora com o golpista Michel Temer. Derrubando Dilma, extrapolou na calhordice.

Rede Globo de Televisão. A emissora fez o que mais sabe fazer: manipular, mentir e destruir. Liderou o golpe. Mostrou todo seu poder ao convocar manifestações contra Dilma e o PT. Odeia qualquer goveno que tenta dar dignidade ao povo. O Objetivo agora é acabar descontruir a imagem do Lula. Se for preciso, exterminar com o ser humano Luis Inácio Lula da Silva e família.

Judiciário. A lei soy jo. Constituição, democracia, imparcialidade são palavras jogadas ao vento. STF acovardado, deixa o golpe correr solto. Gilmar Mendes é claramente anti-petista, anti-lulista, anti-dilma. Por outro lado protege descaradamente seus capangas do PSDB e DEM.

Sérgio “Banestado” Moro juíz de primeira instância. Deslumbrado com a fama faz o que a Globo pedir. Alimenta a mídia com suas arbitrariedades. Em compensação ganha o premio mandrake Inovare. Promovida pela golpista Globo. Torturador, mantém pessoas presas até que aceitem delatar. A delação, diga-se de passagem, tem que envolver Lula, Dilma e o PT. Contra Aécio não vale.

MPF. Se alguém tinha alguma dúvida de que os procuradores da Lava Jato usam de suas funções para exterminar Lula e o PT esta dúvida terminou diante do útimo show em PP que fizeram. Não tendo provas, reafirmaram suas convicções. Vergonha alheia é pouco. O procurador com nome de xarope é um fanático relgioso.Acha que está numa cruzada contra os impuros.

Delgados da PF. Os agentes colocaram retrato da Dilma como alvo nos seus treinamentos de tiro. Nas redes sociais chamaram a presidenta de anta. Fizeram campanha aberta pelo moleque Aécio. Investigação imparcial? Com esse perfil? Tá de brincadeira!

Michel Temer. Presidente ilegítimo, traídor, mentiroso, covarde, golpista e corrupto. Acrescentou mais um adjetivo a sua longa lista de mal caratismo. “Dilma caiu porque não aceitou meu projeto “Uma ponte para o Futuro”.” Imbecil! Ninguém é obrigado a aceitar nada. E vê se isso é motivo pra derrubar 54 milhões de votos.

Rodrigo Janot. PGR, rápido no gatilho se as denúncias são contra Lula, Dilma ou PT. Uma lesma paralítica se é contra Aécio e outros tucanos.

Estados Unidos da América. Não, não é teoria da conspiração. Relembrando, em 64 poucos acreditavam que os americanos estavam por trás do golpe, só 50 anos depois é que soubemos da verdade. Participaram sim, fornecendo apoio logístico, militar e financeiro. Neste novo golpe o interesse não é combater o perigo vermelho, mas se apoderar do pré-sal, das águas, dos minérios e de outras riquezas naturais.

Ainda participam do golpe a FIESP “Pato Amarelo”, bancos, investidores e empresários.

Ufa! Numa pincelada rápida são estes os atores do golpe. Bem orquestrados e poderosos. É muita gente envolvida.

Mas, se queremos a volta da democracia, do estado de direito e nenhum retrocesso político, civil e social são esses os inimigos que devemos combater.

É uma luta, por vezes inglória, difícil, longa e extenuante, mas é o bom combate.

Os inimigos se esquecem, nós, o povo brasileiro, somos a maior força do país. Sem medo ou rendição, lutaremos sempre.

Vamos vencer! Fora Temer! Volta Dilma!

“Tudo vale a pena quando a alma não é pequena” Fernando Pessoa.

Alguém achou que Moro não aceitaria a denúncia do MPF? Este é um jogo de cartas marcadas.

moro-golpistaAlguém achou que o “juíz” Sérgio “Banestado” Moro não iria aceitar a denúncia “mamãe, terminei” do MPF contra o Lula?

Se você foi um desses que achou que ele não iria aceitar, procure urgentemente, um tratamento psiquiátrico.

Este é um jogo de cartas marcadas.

Lula será condenado. Dona Marisa será condenada.

O justiceiro tem ódio. O inquisidor é vaidoso. O Torquemada quer mostrar poder.

Manda mais que o STF.

O MIB tem as costas quente. A Globo.

O árbitro não se importa de desconstruir o país. Pra acabar com o carrapato, mata a vaca.

Pergunto: a Petrobrás roubou? Não! Empresa não rouba ninguém. Quem rouba são as pessoas.

O soldador, o engenheiro, o torneiro, o ajudante roubaram a Petrobrás? Não! Então porque foram os primeiros condenados? Condenados ao desemprego!

A OAS ou qualquer outra empresa da lava jato roubou? Não! Outra vez, empresa não rouba ninguém! Quem rouba são as pessoas.

Os elementos que encheram o rabo de dinheiro ilícito é que tem que ser punidos.

Mas não, o meganha não acha isso. E toca a desmontar empresas com know-how em infraestrutura reconhecidos mundialmente.

Muito do desemprego foi causado pelo “banestado” Moro. Se foi de caso pensado, tanto pior, o cara não passa de um crápula. Se foi por ignorância, o cara não poderia nem ser um rábula.

De qualquer forma o da “primeira instância” ajudou a aprofundar a crise que o pais vive. Muito da situação deplorável tem as mãos do majestoso.

O vendido continua sua sanha por sangue.

Ele, como um autômato, continua a repetir: tenho que prender o Lula! tenho que prender o Lula! Tenho que prender o Lula!

Dorme preocupado. O tempo está passando e Moro, como um reles mafioso, ainda não entregou a mercadoria. Ou é a cabeça dele ou de Lula.

Sérgio”Banestado” Moro, é sabido que você não prima pela inteligência, então lhe ofereço uma data: 5 de outubro!

Por que? Oras, 5 de outubro é a data de promulgação da constituição de 1988. A constituiçâo cidadã. É um tapa na fuça do brasileiro comum. Aquele que vive gritando por justiça. Dos juristas que falam que seus desmandos são incosntituicionais. E dos que lhe chamam de golpista.

Se conveceu da data? Ainda não?

Te dou mais um motivo. Lula é nordestino, retirante. Veio com a família fugindo da seca. Cabeça chata, semianalfabeto. Perdeu um dedo quando era peão.

Porém, com seu raro talento de orador conquistou multidões. Homem de visão, se transformou no maior líder que o Brasil já teve.

Agora use de todo o nojento preconceito contra os nordestinos e ligue Lula a outro líder, este messiânico. Conseguiu? Não? Compreendo. Explico melhor.

Lula arrebatou milhões de brasileiros. Deu esperança e visibilidade. E acima de tudo, devolveu dignidade aos excluídos. Tal como fez Antonio Conselheiro no seu arraial de Canudos.

E advinha que data Canudos foi destruída e seus últimos habitantes degolados? Exatamente, 5 de outubro de 1897.

Bem simbólico, não? Vai perder a oportunidade de comemorar a morte de sertanejos? Claro que não!

Não tenha medo de prender o Lula!

Sabe a santa ceia, quando Jesus falou para Judas ir e cumprir a missão? Pois é, faça isso. Receba tuas 30 moedas. E vá para NY, é uma cidade bela no Natal.

Para o juiz Rafael Rihan os procuradores da lava jato afrontaram o poder judiciário

procurador-da-lava-jatoFoi lastimável e miseravelmente baixa a entrevista coletiva dada pelo procurador com nome de xarope. Um fundamentalista destilando seu ódio messiânico contra Lula e o PT. Sem provas, mas com convicção acusou o ex-presidente de ser o maior ladrão que este mundo produziu.

O ódio lhe cega. A estupidez lhe torna um ser abjeto.

Reproduzo abaixo o que disse o juiz Rafael Amorim. 

RAFAEL RIHAN PINHEIRO AMORIM Juiz Federal 3a Vara Federal de São João de Meriti.

Tem página aberta no facebook, onde publicou o seguinte texto.”:
—-

Com profundo espanto, tomei conhecimento da entrevista coletiva convocada pelos membros do Ministério Público Federal que integram a chamada força-tarefa da operação Lava-Jato, para divulgarem a denúncia que ofereceram contra o ex-Presidente Lula e outros.
 
Na qualidade de juiz federal, não posso me furtar de dizer que considero esse tipo de iniciativa de espetacularização do processo uma verdadeira afronta ao Poder Judiciário, pois a intenção de quem a promove não é outra senão, através do clamor público, pressionar o juiz da causa a decidir contrariamente aos acusados.
 
Ao promoverem tamanha violência simbólica, inclusive com o auxílio de toscos slides em Power Point, os referidos procuradores da República, não só desrespeitaram direitos fundamentais dos acusados, causando-lhes danos irreversíveis à imagem, pois ninguém tem dúvida de que, mesmo se forem absolvidos, nunca mais retornarão ao status anterior, como se afastaram completamente do desenho institucional que a Constituição Cidadã de 1988 conferiu ao Ministério Público.
 
Entre nós, o MP não pode ser aquele acusador implacável retratado nos filmes e seriados estadunidenses, pois, no ordenamento jurídico pátrio, além de titular da ação penal, o parquet é fiscal da lei, além de defensor dos direitos da cidadania. Por tal razão, não é incomum no Brasil, que o próprio órgão ministerial dê parecer opinando pela absolvição do réu, quando verifica que, na instrução processual penal, não foram produzidas provas suficientes para confirmar a ocorrência do delito. Tal conduta, inclusive, é louvável.
 
Entendo que o Ministério Público deve agir com responsabilidade, se atendo a buscar a condenação do acusado nos autos do processo, sendo totalmente inadmissível que leve a lide para uma esfera não judicial e promova o linchamento moral de quem quer que seja, desde um ex-Presidente, até o mais humilde dos populares, pois esse não é um papel compatível com nenhum órgão do Estado, ainda mais aquele que tem a atribuição de fiscal da lei.
 
Lamentavelmente, essa postura vaidosa e populista vem contaminando cada vez mais membros do Ministério Público, que parecem ver nesse tipo de iniciativa, uma oportunidade de, satisfazendo o “desejo de sangue” de parcela da sociedade, conquistarem apoio para pleitos corporativos do órgão. Ocorre que, quem tem mister de defender o Estado Democrático de Direito, não pode colocar questões corporativas acima dos direitos fundamentais do indivíduo réu no processo penal.
 
Tenho absoluta certeza de que essa postura temerária está longe de ser uma unanimidade no Ministério Público. Creio que a grande maioria dos procuradores e promotores não coaduna da mesma, mas essa maioria não pode mais ser silenciosa.
 
Por fim, cabe pontuar que a presente crítica não é extensível à imprensa (esse é outro debate). Os jornalistas, ao tomarem conhecimento de uma denúncia, podem e devem divulgá-la, se houver interesse público. Portanto, minha crítica é voltada exclusivamente aos membros do MP.

A golpista da Globo sentiu o “golpe”.

rede-globo-sempre-golpistaO lixo golpista chamdo Globo sentiu o “golpe”, e não gostou.

Em editorial do dia 18/09/16, o Globo afirmou que golpista é quem pede “diretas, já”.

Ou seja, golpista é a mãe! segundo a canalha da Globo.

Globo, essa empresa é um nojo!

Estamos indo à rua com diversas pautas, uma delas é a que pede “DIretas Já”.

A Globo, convenhamos, não gosta de “Diretas, Já”.

Em 1984 durante um mega manifestação pelas Diretas transmitiu dizendo tratar-se de comemoração pelo aniversário de São Paulo. Hipocritas!

E agora inverte o papel. É como se o torturador fizesse um BO reclamando que o torturado machucou a sua mão. Patifes!

Abastece os coxinhas de argumentos.

Diz não estar prevista na constituição (constituição rasgada por ela mesma) eleições.

Só se derrubar o Temer, antes do fim do ano.

Então, os editorialistas mostraram o caminho.

Derrubar Temer. Agora. Hoje, amanhã, a semana que vem. Mas tem que ser antes do fim do ano.

Se a miserável da Globo e seus asseclas tem medo é sinal que o caminho é o certo.

Temos que fortalecer o “FORA TEMER” e “VOLTA DILMA”!! Temos que ir pra rua. Mais manifestações.

Esta é a pauta “Fora Temer” e “Volta Dilma”.

Pressionar os agentes golpistas. PSDB, GLOBO, PMDB, STF, CONGRESSO, MORO.

Chamar os procuradores pra dançar. Eles agem como se politicos fossem, então que aguentem a força do povo também.

Não tenho provas, mas tenho convicção: já estamos vivendo num estado de exceção.

lava-jatoVenhamos e convenhamos, a apresentação dos procuradores do MPF, feita ontem, foi bem chinfrim. Tanto pelo modo da apresentação, quanto pelo conteúdo.

Elaborada em Power Point. Mostraram bolinhas, quadradinhos, setas, caminhão e homenzinhos. Erros de grafia, “govenabilidade”. Mal conduzida, o responsável pela troca do slides se perdia, avançava e recuava à revelia. A caneta laser falhando. As cores mal escolhidas. De um primarismo de dar dó.

O objetivo da apresentação “mamãe, terminei!” era mostrar porque Lula foi indiciado.

No início: somos apartidário, apolítico, não estamos julgando o Lula pelo fato de ser presidente. Nós nos atemos apenas a tecnicidade.

Aí começou as porradas em cima do Lula e do PT.

Ou por maldade, ou por ignorância mesmo desfilou a falta do conhecimento de “como roda a roda” do sistema político atual. A necessidade de conchavos, os acertos, as trocas de apoio, a distribuição de cargos.

E como tudo era mais do mesmo, voltaram outra vez ao Triplex do Gurarujá.

Não tinham documentos para provar que era do Lula, mas, segundo o procurador, era por isso que era do Lula. Ele, como “general do petrolão”, ocultava a propriedade.

Tinham tão pouco a falar que mostraram uma rasura. Este é um número do apartamento, achamos estranho e um perito comprovou que antes era 131 e agora é 174.(???)

Mostraram uma foto do Lula visitando o apartamento. Ta vendo! Como é do Lula.

O procurador, com nome de xarope, criou uma nova palavra, propinocracia. Sempre que se referia a gangue que tomou conta do poder, através do voto, dizia: propinocracia.

E, usando da máxima que “de tanto repetir, a mentira se torna verdade” repetiu, repetiu, repetiu.

Em certo momento tive a nítida impressão de que estava vendo os “melhores momentos da apresentação”.

Perguntado por uma jornalista sobre provas, o procurador, com nome de xarope, disse: se tirarmos o Lula do cume da pirâmide criminosa notamos que nada funciona. Então ele é o chefão. Ahhh! Entendi?

Fica evidente que essa turma de amadores elaborou a apresentação a toque-de-caixa. Alguém pressionou.

Quem? Janot, STF, Temer? Aécio? FHC? O dono do ITAÙ?

Por que? Que fato novo aconteceu que ainda não sabemos?

Será que alguém dedou o Temer, com provas, e ficou insustentável a permanencia dele no poder?

Eleições com o Lula solto nem pensar, como disse o democrata Renan Calheiros.

Ou mandaram acabar com a palhaçada da lava-jato já e os caras se apressam em indiciar o Lula?

Ou eles já sabem que a maioria dos prefeitos eleitos será do PT e por isso voltam a queimar o Lula e o partido?

São tantas perguntas…

Para encerrar. A pérola foi quando outro procurador afirmou: não tenho provas, mas tenho convicção.

Então, aproveitemos a sapiência desse sujeito e vamos usar esta máxima também.

Não tenho provas, mas tenho convicção: esse procuradores são antiLula, antiPT e antipovo.

Não tenho provas, mas tenho convicção: o único objetivo da lava-jato é acabar com Lula e com o PT.

Não tenho provas, mas tenho convicção: os procuradores e delegados da PF protegem descaradamente o Aécio Neves, o mais chato.

Não tenho provas, mas tenho convicção: esses cara são golpistas.

Não tenho provas, mas tenho convicção: o Sérgio Moro persegue o Lula.

Não tenho provas, mas tenho convicção: mais de 60 % do congresso é composto por criminosos.

Não tenho provas, mas tenho convicção: pelo menos 3 ministros do STF participaram do golpe.

Não tenho provas, mas tenho convicção: a Globo é golpista.

Não tenho provas, mas tenho convicção: A Dilma sofreu golpe de estado.

Não tenho provas, mas tenho convicção: FHC é um golpista nojento.

Não tenho provas, mas tenho convicção: Michel Temer é um traidor.

Não tenho provas, mas tenho convicção: o PSDB é um partido fascista.

Não tenho provas, mas tenho convicção: Alckmin é um corrupto.

Não tenho provas, mas tenho convicção: José Serra é um entreguista miserável.

Não tenho provas, mas tenho convicção: já estamos vivendo num estado de exceção.

Não tenho provas, mas tenho convicção: se não revertermos o golpe, nunca mais um partido progressista assume o planalto.

É isso aí.

Golpistas são uns bichos escrotos mesmo, né Cunha?

mbl-cunha-600x360Eduardo Cunha sua derrota foi acachapante. Vergonhosa, diria. 450 SIM, 10 NÃO.

O que aconteceu? Você é bandido velho. Tava confiando no seu blá-blá-blá?

O Al Capone quando se sentia ameaçado, reunia seus quadrilheiros num jantar é matava o traíra a golpes de taco. Na frente de todos. Impunha sua vontade pelo terror.

E você o que fez? Nem lembrou dos “favores” que 200 nobres colegas lhe devem?

Marcou bobeira.

E agora? Sem foro privilegiado, você, a dos olhos arregalados e sua filha estão numa encrenca danada, não é mesmo?

Mas não se desespere! Nada de pânico! Por enquanto…

Pelo que me consta o seu processo será enviado para a república de curitiba. E lá quem manda é um juiz de primeira instância chamado Sérgio Moro. E você sabe, neste novo país a lei é direcionada para pegar Lula e o PT. E só.

Então, antes de ameçar de morte alguém da republiqueta deixa as coisas acontecerem.

Até hoje a PF, o Moro e procuradores não encontraram o endereço “dos olhos arregalados”. Imagine o tempo que levarão para abrir a gaveta do seu processo.

Mas voltando ao assunto de sua cassação.

A sua ex-quadrilha tá lá no congresso, desfrutando do bom e do melhor. E pra justificar o mal-caratismo estão citando a célebre frase de Jarbas Passarinho: “às favas a consciência”. Sei que fui redundante. Pois, quem se alia a bandido, bandido é. E caráter, ética não faz parte da personalidade de canalhas.

E tem mais, vocês golpistas não gostam de ser chamados de golpistas, no entanto, cada vez que alguém do bando abre a boca fica mais do que provado que são golpistas.

Veja o placar: 450 a 10. A tua facção criminosa acabou confirmando que a Dilma foi vítima de sua vingança. Que aquele circo dos horrores de 17 de abril foi comandado por um bandido. No caso, você, Eduardo Cunha.

E que se houver justiça (risadas) neste país o impeachment será anulado e a DIlma Rousseff reconduzida ao cargo de presidenta.

Claro! Não só pelo fato de você ser um criminoso e presidir a sessão vergonhosa, mas também porque aos olhos frios da lei (outras risadas) ela não cometeu nenhum crime que pudesse justificar o impedimento do mandato.

Golpistas são uns bichos escrotos mesmo, né Cunha?

Não vá decepcionar quem espera que você volte com a faca entre os dentes e sangue nos olhos.

O MBL, que você deu a benção, já pulou fora do teu barco. E te negou mais de três vezes. O Aécio (Canalha! Canalha!Canalha!) Neves também. O FHC, velho decrépto, esta urdindo o golpe em cima do golpe. E você é a cereja do bolo do golpe do golpe.

O velho decrépto pensa o seguinte: Eduardo faz delação premiada e deda o Michel, e ele cai, e então o congresso elege outro cara de minha preferência. A Globo aprova. Engana novamente a população e pronto. Faustão na veia. Plano perfeito.

Vai colaborar com essa patifaria? E o que você ganha com toda essa bosta?

Cunha faça valer sua alcunha de psicopata e delate primeiro a cúpula do golpe. É o único jeito de se safar da cadeia.

E ore, mas ore mesmo, pra que a DIlma Rousseff volte a ser presidenta, pois temo que sua vida possa não ser longa.

Dê uma panorâmica no naipe dos calhordas e diga se tenho ou não tenho razão.